UM PENSAMENTO RÁPIDO – MIAMI 70.3 PRÉ PROVA

Parece coisa de maluco, para quem vê de fora. Mas para nós que estamos dentro, doido é quem não entende. Nadar, pedalar e correr por 5, 6 horas. Sofrer por 5, 6 horas. Não há razão que explique. É emoção pura. É o momento em que a “vida” não é vida; é “sonho”. É a fuga. É a “droga” que usamos para fugir da realidade. Assim como quando éramos criança brincávamos de pegar, como balanço para nossas responsabilidades da época (ir para a escola), agora brincamos de triathlon para nos lembrarmos de que estamos aqui para aproveitar a vida, não para que ela se aproveite de nós. Me chame me maluco por fazer isso. Eu lhe chamarei de doido por sentar no sofá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 − 4 =