DIANA KRALL

Diana Krall é top demais. De longe, é minha artista preferida quando se fala em jazz. Não posso dizer que sou fã, como sou de Metallica ou Guns n Roses. Mas o trabalho dela é de extrema qualidade e não tem nenhum outro artista deste estilo de quem goste tanto.

Meu primeiro contato com ela foi através do álbum “Live in Rio”. A forma como ela desenrola aquele piano e consegue deixar as músicas do Frank Sinatra ainda melhores é simplesmente inexplicável.

Seu timbre de voz grave e forte deixa qualquer um abismado. Não tem as firulas enroladoras das cantoras pop de hoje em dia (nem as mãozinhas — veja aqui), mas certamente deixa todas elas no chinelo (para mim).

Qualidade, carisma e simplicidade. Isto define a canadense Diana Krall.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 − cinco =